Como num passe mágica, já se foram 10 anos desde que O Grande Truque estreou nos cinemas.

Sim, isso mesmo: no dia 20 de outubro de 2006, uma década atrás, o diretor Christopher Nolan e seu irmão Jonathan Nolan apresentavam ao mundo a história de dois mágicos, Alfred Borden (Christian Bale) e Robert Angier (Hugh Jackman) — cujas primeiras letras dos nomes formam a palavra Abra, simbolizando a famosa expressão Abracadabra —, que vivam no século XIX e faziam de tudo para entregar a maior apresentação de ilusionismo nos palcos de uma antiga Londres.  

No entanto, mesmo depois de tanto tempo, ainda existem muitos segredos pouco divulgados sobre a produção desse filme. Mas nada como dar uma de Mister M e contar quais são eles aqui nessa lista, não é mesmo?

Então lá vai.

O filme é baseado em um livro que nunca foi lançado no Brasil

o-grande-truque-livro

Vencedor de alguns prêmios (como o World Fantasy Award e o James Tait Black Memorial Prize), o livro The Prestige do inglês Christopher Priest foi lançado lá fora em 1995, 11 anos antes da sua adaptação para os cinemas. Porém, ao contrário da versão para a telona, a original nunca deu as caras por essas bandas.  

O diretor Sam Mendes foi a primeira opção para adaptar The Prestige para os cinemas

Em uma entrevista dada para o site francês Skript em 2014, Priest disse que em um primeiro momento o diretor Sam Mendes (de Beleza Americana e Skyfall) era a sua opção favorita para adaptar The Prestige para os cinemas. No entanto o autor do original acabou mudando de ideia depois de assistir ao excelente Following, o primeiro filme de Nolan.

E ele gostou bastante do resultado final, chegando a dizer, inclusive, que tanto O Grande Truque quanto Amnésia são obras primas — ao contrário de todo restante da filmografia do diretor, que ele disse achar “chata” e “vazia”.

Chung Ling Soo existiu de verdade

250px-Chung_Ling_SooSabe aquele chines que aparece em uma determinada cena do filme e faz um pequeno truque de sumir com um peixe do aquário? Pois ele existiu de verdade e seu nome era Chung Ling Soo. Ou melhor: seu nome artístico era esse, já que na verdade ele era norte-americano e seu nome era William Ellsworth Robinson (esse aí da foto). Um cara que ficou famoso por fazer um truque onde conseguia pegar a bala disparada por um revólver ainda no ar (e que acabou matando ele alguns anos mais tarde).

A atriz Rebecca Hall deu um spoiler do final do filme… que ficou na versão para os cinemas

[ aviso de spoilers para quem não assistiu ao filme ]

Em uma determinada cena do filme, a jovem Sarah Borden (interpretada pela atriz Rebecca Hall), esposa de Alfred, diz que sabia quem seu marido era de verdade. Uma frase que não consta no script original, que dá um pequeno spoiler do final do filme, mas que Nolan optou por deixar na versão para os cinemas de O Grande Truque.

Ou seja: se você reassistir agora ao filme, entenderá a personagem de outra maneira.

 

Em breve

Outros lançamentos

Parceiros